O sargento

Um sargento chega em sua casa de noite. Para não despertar sua mulher, ele tira o uniforme no escuro. Ao deitar-se na cama sua esposa diz: – Meu Deus! Estou com uma dor de cabeça terrível. Por que não vais a farmácia e me trazes uma aspirina?
O sargento levanta-se sem acender a luz e coloca sua roupa. Quando chega na farmácia, o farmacêutico pergunta;
– Então, fostes promovido, Carlos?
– Por que pensas assim?
– Estás com divisas de tenente no uniforme!!!